Letramento: A Leitura Inferencial numa Perspectiva Sociointeracionista

Ref: 978-85-473-0683-0

Letramento: a leitura inferencial numa perspectiva sociointeracionista apresenta um importante estudo sobre a ampliação da leitura por meio da abordagem dos gêneros. É uma maneira de mostrar que a leitura precisa ser trabalhada de forma adequada para que faça parte da rotina de um contexto escolar. 


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 46,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-0683-0


Edição:


Ano da edição: 2017


Data de publicação: 00/00/0000


Número de páginas: 111


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Natasha Ferraz Canto Pessoa de Luna.

Letramento: a leitura inferencial numa perspectiva sociointeracionista apresenta um importante estudo sobre a ampliação da leitura por meio da abordagem dos gêneros. É uma maneira de mostrar que a leitura precisa ser trabalhada de forma adequada para que faça parte da rotina de um contexto escolar. Nesse sentido, este livro vem reforçar a ideia de se trabalhar o letramento em sala de aula, levando em conta os sentidos do texto, suas particularidades, seus aspectos explícitos e implícitos, as inferências que devem ser consideradas e também o contexto social do leitor. Tudo isso é abordado dentro de uma perspectiva sociointeracionista, em que a aprendizagem torna-se um processo social, sendo realizada por meio da interação com o outro e do contexto sócio-histórico que o rodeia.

A obra é dividida em capítulos que retratam o letramento como prática social e mostram a importância da leitura em sala de aula, além de valorizar a construção da leitura inferencial no espaço escolar.

A obra apresenta uma pesquisa de campo sobre como a leitura é abordada nas aulas, além de apoiar-se em estratégias de leitura com vistas ao letramento, a fim de incentivar e promover a competência leitora e escrita do aluno nas aulas de língua portuguesa, utilizando-se de uma perspectiva sociointeracionista. Todo o trabalho do livro enfatiza que é necessário que haja interação entre o leitor e o texto para que a leitura seja dinâmica e divertida, possibilitando assim a construção de um leitor crítico e consciente. A leitura inferencial é um dos focos desta obra, pois submete os leitores a um entendimento dos implícitos dos textos, ou seja, permite compreender o que está nas entrelinhas.

Dessa forma, este livro possibilita chamar a atenção dos professores, principalmente os de língua portuguesa, para a importância de se trabalhar a leitura com todas as suas estratégias de linguagem, vendo o sujeito como parte integrante e participante dos processos sociodiscursivos que ocorrem em sua comunidade.