Protagonismo, Cultura e Sociedade no Vale do Guaribas: 10 Anos da Faculdade R.Sá

Ref: 978-85-473-0631-1

Uma voz científica sobre o Sertão do Piauí Durante muito tempo o Sertão não teve voz. Aos poucos foram ecoados pensamentos dessa região, historicamente relegada a planos inferiores. Quando pensada academicamente, tornava-se apenas campos de pesquisa sem reverberação social. Devagarinho a região foi se transformando.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 52,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-0631-1


Edição: 1


Data de publicação: 00/00/0000


Número de páginas: 207


Peso: 200 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Mayara Sousa Ferreira.

2. Maria José Rodrigues de Sousa.

3. Maria das Mercês e Silva.

Uma voz científica sobre o Sertão do Piauí

Durante muito tempo o Sertão não teve voz. Aos poucos foram ecoados pensamentos dessa região, historicamente relegada a planos inferiores. Quando pensada academicamente, tornava-se apenas campos de pesquisa sem reverberação social. Devagarinho a região foi se transformando.

 De maneira avassaladora a educação tem colocado o Sertão em patamares de igualdade com as outras regiões do País e mostrado o quanto pode ajudar na transformação positiva de seu povo. Todas e todos podem ter curso superior. Isso vem transformando famílias e microrrealidades que reverberam como um todo na sociedade.

 Uma das chamas dessa evolução é a educação. E os estudos superiores, em sua formação de bacharéis e licenciados, é peça-chave.

 Há mais de 10 anos, em Picos, capital do Sertão piauiense, cidade-polo de serviços convergindo mais de cem municípios do Piauí, Ceará e Pernambuco, nascia a Faculdade R.Sá, um empreendimento ousado, mas certeiro em formar bacharelas e bacharéis, licenciadas e licenciados para atuar e pensar essa região e seu povo.

 Tamanho desenvolvimento (termo levado a cabo no slogan da instituição) reflete-se agora no lançamento desta obra.

 É um livro emblemático, instigante e que pensa essa evolução. Inspira em sua composição multi e transdisciplinar as várias vertentes da Grande Região de Picos sobre questões ligadas à cultura, à sociedade e a temas transversais, buscando provocar os leitores a refletirem sobre as evoluções e transformações dessa região.

 A obra é composta de duas partes (“Cultura e Diversidade” e “Políticas Públicas e Ciências Atuariais na Contemporaneidade”) que compõem 13 textos, envolvendo 33 pesquisadoras e pesquisadores, todos voltados ao desenvolvimento da região.

 É um livro para ser lido e relido, inclusive instigando a cultura da pesquisa da região do Sertão, desta vez não mais palco apenas de ser objeto, mas de ser protagonista na Ciência.

 Boa leitura!