Formação e Atuação de Professores em Educação Infantil: Processos Colaborativos de Pesquisa

Ref: 978-85-473-0909-1

Reconhecer a pesquisa em educação, a produção de saberes e a formação inicial e continuada de professores privilegia pesquisa e formação. 


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 49,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 22,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-0909-1


ISBN Digital: 978-85-473-1306-7


Edição:


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 00/00/0000


Número de páginas: 197


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Ana Luiza Ruschel Nunes.

2. Lisane Anes Romero.

Reconhecer a pesquisa em educação, a produção de saberes e a formação inicial e continuada de professores privilegia pesquisa e formação. A investigação-ação colaborativa de concepção emancipatória fundamenta, orienta e organiza o trabalho educativo, tendo as suas ideias básicas na ciência educacional crítica, num processo de formação-pesquisa colaborativa pela investigação-ação. Produz-se conhecimento na universidade e na escola pela abordagem teórica e prática, suscitando estudos e problematizações. Uma práxis que contempla caminhos, as necessidades da ação profissional do professor da Educação Infantil e a produção do conhecimento na universidade. A educação dialógica problematizadora freireana e a educação histórico-crítica de Saviani são tidas como fundamentos para a profissionalização do professor e pesquisador da Educação Infantil sob a mediação da reflexão crítica ativa, frente aos problemas e dificuldades cotidianamente encontrados na formação e atuação na prática educativa infantil nas escolas. Nesse sentido, a obra encaminha-se para os estudantes e professores formadores de pedagogos(as) da Educação Infantil, dos campos de estágio e de metodologia de ensino e práticas articuladoras, bem como de metodologia da pesquisa. Igualmente a professores das escolas em contínua formação, que se interessem em desenvolver processos colaborativos na ambiência da educação escolar e em outros espaços e práticas institucionais, com processos colaborativos de investigação-ação emancipatória histórico-crítica, entendida como prática social, não apenas de intervenção e formação, mas de construção de saberes científicos. Considerar os professores em formação para atuar na Educação Infantil como protagonistas e coprodutores de saberes e da pesquisa em situações colaborativas, é um desafio.  Este livro apresenta uma produção de conhecimento na pesquisa em educação e abre caminhos para o desenvolvimento pessoal e profissional de pesquisadores e professores para a formação e atuação em educação infantil com processos colaborativos.