Nair de Teffé: Artista do Lápis e do Riso

Ref: 978-85-473-0030-2

Maria de Fátima Hanaque Campos, numa narrativa que alia a metodologia da pesquisa documental e biográfica com a análise do cenário histórico em que viveu Nair Teffé, apresenta-nos de forma rica e instigante  não só a trajetória da artista pioneira num campo reservado aos homens, mas também a própria trajetória do gênero da caricatura no Brasil e sua importância como elemento construtor de discursos políticos e poéticos de uma época [com destaque aqui para a revista Fon-Fon!].


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 52,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 29,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-0030-2


ISBN Digital: 978-85-473-0030-2


Edição:


Ano da edição: 2016


Data de publicação: 00/00/0000


Número de páginas: 175


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Maria de Fátima Hanaque Campos.

Maria de Fátima Hanaque Campos, numa narrativa que alia a metodologia da pesquisa documental e biográfica com a análise do cenário histórico em que viveu Nair Teffé, apresenta-nos de forma rica e instigante  não só a trajetória da artista pioneira num campo reservado aos homens, mas também a própria trajetória do gênero da caricatura no Brasil e sua importância como elemento construtor de discursos políticos e poéticos de uma época [com destaque aqui para a revista Fon-Fon!].

Num período em que o papel da mulher, suas expectativas e vivências se restringiam às obrigações do casamento e do lar, Nair de Teffé quebra este paradigma atuando ativamente na vida cultural, social e política da República no Rio de Janeiro, e sua primeira fase artística de 1909 a 1926 é aqui apresentada, sobretudo aqueles retratos classificados como portrait-charge e a caricatura de costumes.

 

Helenise Guimarães

Universidade Federal do Rio de Janeiro