Quem Faz a Educação? Narrativas, Conhecimentos e Táticas de Professoras da Escola Pública

Ref: 978-85-8192-963-7

O livro de Simone é um bom encontro! Os encontros com pessoas e palavras geram uma potência que ecoa ao longo do texto. Mas mais que isso, a obra é urdida de tal forma que nos leva a voltar no tempo, remexer memórias e deixar brotar imagens que se entrelaçam. No texto a vida dá voltas, faz curvas e segue fluxos muitas vezes não imaginados. Essa é a potência da pesquisa com o cotidiano da escola.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 52,00 R$ 31,20 40% off
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-8192-963-7


Edição: 1


Ano da edição: 2016


Data de publicação: 00/00/0000


Número de páginas: 271


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Simone Ribeiro.

O livro de Simone é um bom encontro! Os encontros com pessoas e palavras geram uma potência que ecoa ao longo do texto. Mas mais que isso, a obra é urdida de tal forma que nos leva a voltar no tempo, remexer memórias e deixar brotar imagens que se entrelaçam. No texto a vida dá voltas, faz curvas e segue fluxos muitas vezes não imaginados. Essa é a potência da pesquisa com o cotidiano da escola.

Em suas “rodas de conversas” conta e reconta seu envolvimento e experiência com a temática da Educação do Campo, na defesa de uma escola pública de qualidade, expressa nos espaçostempos de uma educação pensada com as populações rurais, que resiste diante de uma sociedade marcada por profundas desigualdades sociais. O texto contribui ainda para minimizar uma lacuna existente na produção científica no campo educacional, uma vez que há uma carência de estudos sobre os espaçostempos de escolas do campo em sua cotidianidade. O Brasil apresenta razoável tradição de estudos sobre a legislação e a política educacional na perspectiva macropolítica da Educação do Campo, sem que efetivamente, quer do ponto de vista quantitativo quer do qualitativo, tenha sido alterado o “colorido” de nossas escolas, de cimento acinzentado. Em seu livro Simone pontua, com extraordinária delicadeza associada à agudeza, as questões sociais, históricas, antropológicas, jurídico-legislativas e, principalmente, políticas que atravessam essa questão. Mergulhemos nas páginas de seu livro, nos misturando às experiências narradas e nos afetando nesse (e por esse) conhecimento.

Profª. Drª. Janete Magalhães Carvalho

(UFES)