Reflorestamento Ciliar em Diferentes Modelos de Plantio

Ref: 978-85-473-0246-7

Margem do Reservatório da Hidrelétrica de Ilha Solteira


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 46,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 21,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-0246-7


ISBN Digital: 978-85-473-0246-7


Edição: 1


Ano da edição: 2016


Data de publicação: 00/00/0000


Número de páginas: 191


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Mario Luiz Teixeira de Moraes.

2. José Cambuim.

3. Daniela Silvia de Oliveira Canuto.

4. Alexandre Marques da Silva.

As matas ciliares são áreas diretamente afetadas por construção de hidrelétricas, e a sua destruição influencia a estabilidade das áreas que margeiam os rios, contribuindo para o assoreamento de reservatórios, o empobrecimento do solo e, consequentemente, a redução da biodiversidade local. Nesse contexto, desenvolveram-se várias pesquisas propondo diferentes modelos de recuperação. Sendo assim, foram estudados o comportamento silvicultural de várias espécies arbóreas em condições de mata ciliar e as propriedades físicas e químicas do solo do reflorestamento ciliar à margem do reservatório da Hidrelétrica de Ilha Solteira, localizado na Fazenda de Ensino, Pesquisa e Extensão da UNESP, Campus de Ilha Solteira, no município de Selvíria, MS. O reflorestamento ciliar foi plantado em 1986 em módulos, existindo dois modelos com números diferentes de espécies. O modelo I é composto por 21 espécies, plantadas em 33 módulos, e o modelo II por 14 espécies em 13 módulos. Observou-se que as propriedades físicas e químicas do solo sob o reflorestamento ciliar são semelhantes às propriedades do solo sem perturbação antrópica dessa região, e que as espécies plantadas nos modelos de plantio do reflorestamento ciliar estão contribuindo com a deposição de material orgânico suficiente para que haja uma reciclagem dos nutrientes e a manutenção das propriedades físicas e químicas desse solo em condições para que ocorra o estabelecimento da cobertura florestal similar ao de uma mata ciliar natural.