Reinhart Koselleck e a Linguagem

Ref: 978-85-473-1006-6

Reinhart Koselleck e a linguagem mostra-nos uma leitura acerca do legado de Koselleck pela via da linguagem e essa é a marca inovadora dessa interpretação, pois existem muitos estudos que pertencem ao universo da Teoria da História e da Historiografia que analisam a importância da obra de Koselleck para a contemporaneidade, sem levar em consideração o que é a linguagem em uma articulação com a Filosofia da História. 


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 46,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-1006-6


Edição: 1


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 00/00/0000


Número de páginas: 153


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Danieli Machado Bezerra.

Reinhart Koselleck e a linguagem mostra-nos uma leitura acerca do legado de Koselleck pela via da linguagem e essa é a marca inovadora dessa interpretação, pois existem muitos estudos que pertencem ao universo da Teoria da História e da Historiografia que analisam a importância da obra de Koselleck para a contemporaneidade, sem levar em consideração o que é a linguagem em uma articulação com a Filosofia da História. Vemos as influências filosóficas que foram marcantes na vida intelectual de Koselleck, como a menção ao Dasein de Heidegger, presente na obra Ser e Tempo. Com essa análise de Koselleck sobre o Dasein de Heidegger, o ser humano necessita registrar a existência humana na Terra porque passa a ter certeza de sua finitude, e a História torna-se um instrumento fundamental para esse registro, pois as lembranças registradas pela História são capazes de tornar o homem imortal. Esses questionamentos auxiliam-nos na compreensão, inclusive, de sua passagem pela artilharia de batalha na
Alemanha nazista e no entendimento de que o historiador é rebento de seu próprio tempo.