A Escola com Classes Multisseriadas: Memórias na Mediação Fotográfica

Ref: 978-85-473-1051-6

Fruto de um olhar sensível e comprometido com a educação dos filhos dos trabalhadores do campo, este livro constitui importante oportunidade de interlocução na produção de conhecimentos sobre a educação do campo, mais especificamente sobre as escolas multisseriadas. Caracterizadas pela organização de alunos em diferentes anos, idades ou estágios de aprendizagem em uma sala de aula, na qual um único professor faz a mediação do conhecimento, essas escolas constituem a forma mais antiga de escolarização no campo. A permanência das escolas multisseriadas nas comunidades do campo desafia os processos de homogeneização empreendidos pelo sistema capitalista que concebe o campo apenas como espaço da produção de mercadorias, ignorando seus povos, culturas e memórias.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 54,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-1051-6


Edição: 1


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 30/07/2018


Número de páginas: 187


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Juber Helena Baldotto Delboni.

Fruto de um olhar sensível e comprometido com a educação dos filhos dos trabalhadores do campo, este livro constitui importante oportunidade de interlocução na produção de conhecimentos sobre a educação do campo, mais especificamente sobre as escolas multisseriadas. Caracterizadas pela organização de alunos em diferentes anos, idades ou estágios de aprendizagem em uma sala de aula, na qual um único professor faz a mediação do conhecimento, essas escolas constituem a forma mais antiga de escolarização no campo. A permanência das escolas multisseriadas nas comunidades do campo desafia os processos de homogeneização empreendidos pelo sistema capitalista que concebe o campo apenas como espaço da produção de mercadorias, ignorando seus povos, culturas e memórias.

A investigação que deu origem a esta obra parte da seguinte pergunta: como as imagens fotográficas da Escola Municipal de Ensino Fundamental João Guilherme Germano Borchardt fazem a mediação das memórias dos sujeitos sobre a escola multisseriada na comunidade campesina em Santa Maria de Jetibá-ES? Pela mediação das fotografias guardadas por professores e famílias, busca-se compreender os processos históricos vividos pelos sujeitos na conquista da escola do campo e os sentidos que lhes são atribuídos ao longo de sua presença na comunidade, aprofundando a análise da fotografia como fonte histórica.

Esta obra propicia situar o debate sobre a escola multisseriada para além da visão equivocada de atraso ou “anomalia” do sistema educacional. Nesse sentido, a escola multisseriada, além de representar um espaço vivo de diálogo com os saberes dos povos tradicionais do campo, é também o espaço da memória de sujeitos protagonistas de sua história, movimento em que se situam as famílias campesinas de Jequitibá, Espírito Santo.