Criação e Processos Artísticos em Sala de Aula - Um Olhar de Maurice Merleau-Ponty

Ref: 978-85-473-1915-1

Criação e processos artísticos em sala de aula: um olhar de Maurice Merleau-Ponty trata da necessidade emergente de uma educação que pense as condições humanas na sociedade. Propõe voltar o olhar/entendimento/imaginação do mundo às operações concretas do sujeito, em sua estrutura existencial, refletido na vivência e experiência.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 57,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 26,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-1915-1


ISBN Digital: 978-85-473-2110-9


Edição: 1


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 27/08/2018


Número de páginas: 163


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Cláudia Maria Kretzer Rodriguez.

Criação e processos artísticos em sala de aula: um olhar de Maurice Merleau-Ponty trata da necessidade emergente de uma educação que pense as condições humanas na sociedade. Propõe voltar o olhar/entendimento/imaginação do mundo às operações concretas do sujeito, em sua estrutura existencial, refletido na vivência e experiência.

Desse modo, a autora retoma em seu processo de criação, dos alunos e dos artistas, como Paul Cézanne (1839-1906) e Frans Krajcberg (1921-2017), as vias de investigação artística, em que procura compreender como se dá o conhecimento significativo da arte na práxis pedagógica.

Um estudo teórico-prático-artístico realizado com alunos do ensino fundamental no ciclo I, rede pública do estado de São Paulo.  Longe de se constituir em um método a ser aplicado, intenciona ao leitor “reaprender a ver o mundo”, concepção sustentada pela fenomenologia de Maurice Merleau-Ponty (1908-1961). Conversas com Gaston Bachelard (1884-1962) e John Dewey (1859-1952), entre outros, também nos convidam a repensar a arte e a educação em seu tempo-espaço histórico, diante das questões socioeconômicas e culturais.

Uma obra para os apreciadores das ciências sociais em diferentes categorias de estudantes, profissionais e investigadores, que se dispõem a percorrer o caminho da curiosidade.