Eleições no Brasil: Manual Compacto de Campanha Negativa

Ref: 978-85-473-2056-0

Popularmente conhecida como “baixaria”, a campanha negativa é uma realidade e tem um papel importante na dinâmica eleitoral. Campanhas centradas exlusivamente em propostas e discussões sobre os problemas locais, regionais ou nacionais são absolutamente insuficientes e não atendem plenamente o interesse coletivo, ao contrário do que se pode imaginar à primeira vista. Isso porque a realidade política dispensa as simplificações. Muito do que se diz sobre as eleições, na opinião pública, está ancorado em pré-noções e maniqueísmos.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 38,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 17,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-2056-0


ISBN Digital: 978-85-473-2412-4


Edição: 1


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 19/09/2018


Número de páginas: 59


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Anderson Cristopher dos Santos.

2. Daniel Gonçalves de Menezes.

Popularmente conhecida como “baixaria”, a campanha negativa é uma realidade e tem um papel importante na dinâmica eleitoral. Campanhas centradas exlusivamente em propostas e discussões sobre os problemas locais, regionais ou nacionais são absolutamente insuficientes e não atendem plenamente o interesse coletivo, ao contrário do que se pode imaginar à primeira vista. Isso porque a realidade política dispensa as simplificações. Muito do que se diz sobre as eleições, na opinião pública, está ancorado em pré-noções e maniqueísmos.

 Sem o ataque contra o oponente, quem irá informar o eleitor sobre fatos desabonadores dos contendores? Obviamente, não significa que a propaganda negativa seja um expediente de uso ilimitado. Há que se considerar os usos éticos dessa ferramenta. Nessa perspectiva, como fazer uso desse expediente? Costuma- se dizer popularmente que a diferença entre o veneno e o remédio está na dosagem. Então, com qual intensidade deve-se recorrer à campanha negativa? Qual o melhor meio? Qual o melhor momento? Quais são os alvos prioritários? Esta obra pretende responder a essas e outras indagações. Boa leitura.