Aplicação da Validação Dicotômica nas Disciplinas de Linguagem de Programação

Ref: 978-85-473-2093-5

Este livro é resultado do estudo dos métodos de ensino para avaliar o aproveitamento dos alunos que cursam as disciplinas de linguagem de programação. O método de ensino usado foi Objetivos Instrucionais, criado por Robert Frank Mager. Nele, permite-se avaliar a habilidade do estudante ao desempenhar a atividade proposta pelo professor e a competência em resolver corretamente.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 55,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-2093-5


Edição: 1


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 01/10/2018


Número de páginas: 191


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Reane Franco Goulart.

Este livro é resultado do estudo dos métodos de ensino para avaliar o aproveitamento dos alunos que cursam as disciplinas de linguagem de programação. O método de ensino usado foi Objetivos Instrucionais, criado por Robert Frank Mager. Nele, permite-se avaliar a habilidade do estudante ao desempenhar a atividade proposta pelo professor e a competência em resolver corretamente. Atualmente, habilidade é um tema de grande importância para as escolas. Elas querem avaliar a habilidade dos estudantes em desempenhar atividades simples e complexas; com isso, mostram que poderão ter um bom desempenho nas avaliações aplicadas pelo Governo Federal. O Ministério da Educação tem como propósito aplicar as provas do Enem para extrair estudantes com melhor habilidade para os cursos escolhidos pelo candidato. As provas do Enem, a partir de 2000, estão sendo elaboradas com as regras da Teoria de Resposta ao Item (TRI). Essa teoria foi utilizada nos experimentos, porque possui uma escala de habilidade calibrada, na qual as questões são elaboradas atendendo a níveis de dificuldade. Dessa forma, o conteúdo abstraído do aluno tem mais importância do que o instrumento de medida, ou seja, a prova. O que interessa para os avaliadores é a habilidade do estudante: quanto maior a habilidade, maior a probabilidade de acertos na questão proposta. A TRI foi utilizada como meio de verificação da proficiência dos estudantes em disciplinas de linguagem de programação. O professor, ao elaborar as questões, preocupar-se-á em medi-las por meio dos níveis de conhecimento diferentes pelas perguntas. Foram criadas questões fáceis, médias e difíceis, porque esses itens têm grande possibilidade de diferenciação entre o aluno que domina o conteúdo e aquele que tenta acertar ao acaso.