Sexualidade na Escola: A Voz do Silêncio

Ref: 978-85-473-1264-0

Se ao longo da história a homossexualidade foi tida como pecado, crime ou doença, e hoje é vista pelas ciências como uma orientação sexual como qualquer outra, como se justifica o silêncio imposto pelas escolas, agência do conhecimento por excelência? Será que essa escola tem consciência do seu papel social quanto à superação do preconceito e da discriminação resultantes de séculos de tabus e desinformação?


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 42,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-1264-0


Edição: 1


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 01/10/2018


Número de páginas: 83


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Emmanuelle Magdala Carvalho Felipe.

2. Agilcelia Carvalho dos Santos.

Se ao longo da história a homossexualidade foi tida como pecado, crime ou doença, e hoje é vista pelas ciências como uma orientação sexual como qualquer outra, como se justifica o silêncio imposto pelas escolas, agência do conhecimento por excelência? Será que essa escola tem consciência do seu papel social quanto à superação do preconceito e da discriminação resultantes de séculos de tabus e desinformação? Infelizmente, o ensino (em algumas escolas) ainda é pautado em uma “pedagogia do insulto” e na heteronormatividade em que as diversidades de práticas sexuais são tidas como anormais e hierarquicamente inferiores e, por causa disso, as pessoas que se comportam diferentemente das normas estabelecidas continuam sofrendo preconceitos, que contribuem para a evasão, o fracasso escolar, o alto índice de suicídio e relações sociais cheias de ódio e intolerância. Nesta obra, podemos atestar que a escola pode sim mudar esse cenário e auxiliar na construção de uma sociedade mais justa e igualitária, na qual as pessoas possam ser dignas simplesmente pelo fato de serem humanas.