Circulação de Ideias em Educação Matemática

Ref: 978-85-473-2199-4

A obra de Carla Alves de Souza tem como tema a circulação e apropriação de ideias educacionais no campo da Educação Matemática. Especificamente, a autora opta por focar um ideário educacional que evidencia mobilizações em termos acadêmicos com expressiva intencionalidade e repercussão: a Didática da Matemática Francesa. Foram realizadas entrevistas com educadores matemáticos brasileiros alocados em núcleos institucionais de ensino superior que protagoniza(ra)m a mediação entre a Didática da Matemática Francesa e a Educação Matemática Brasileira.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 74,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 26,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-85-473-2199-4


ISBN Digital: 978-85-473-2180-2


Edição: 1


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 23/10/2018


Número de páginas: 301


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Carla Alves de Souza.

A obra de Carla Alves de Souza tem como tema a circulação e apropriação de ideias educacionais no campo da Educação Matemática. Especificamente, a autora opta por focar um ideário educacional que evidencia mobilizações em termos acadêmicos com expressiva intencionalidade e repercussão: a Didática da Matemática Francesa. Foram realizadas entrevistas com educadores matemáticos brasileiros alocados em núcleos institucionais de ensino superior que protagoniza(ra)m a mediação entre a Didática da Matemática Francesa e a Educação Matemática Brasileira. A partir dessas e de outras fontes, constata-se que o ensino da Matemática no Brasil vem sendo influenciado por pesquisas e métodos desenvolvidos e aperfeiçoados em outros países, e tenta-se compreender aspectos dessa importação de modelos. O livro mobiliza teorizações de natureza sociológica, em um olhar inédito sobre essa dinâmica de circulação de ideias, promovendo uma reflexão no âmbito da história da Educação Matemática Brasileira.