Fatores Determinantes no Desempenho dos Estudantes do Ensino Fundamental na Prova Brasil

Ref: 978-85-473-1835-2

O livro intitulado Fatores determinantes no desempenho dos estudantes do ensino fundamental na Prova Brasil aborda a institucionalização da Prova Brasil no contexto das políticas públicas em educação. Destaca, ainda, o ensino da Língua Portuguesa e sua implicação no desenvolvimento da linguagem e do pensamento dos estudantes, na perspectiva da teoria histórico-cultural; mostra a ação pedagógica dos professores, bem como o desempenho dos estudantes paranaenses na Prova Brasil, a realidade das escolas e a formação dos professores e da equipe pedagógica.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 57,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-1835-2


Edição: 1


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 29/10/2018


Número de páginas: 259


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Nerli Nonato Ribeiro Mori.

2. Maria José Pereira.

O livro intitulado Fatores determinantes no desempenho dos estudantes do ensino fundamental na Prova Brasil aborda a institucionalização da Prova Brasil no contexto das políticas públicas em educação. Destaca, ainda, o ensino da Língua Portuguesa e sua implicação no desenvolvimento da linguagem e do pensamento dos estudantes, na perspectiva da teoria histórico-cultural; mostra a ação pedagógica dos professores, bem como o desempenho dos estudantes paranaenses na Prova Brasil, a realidade das escolas e a formação dos professores e da equipe pedagógica.

Os dados coletados foram analisados na perspectiva da teoria histórico-cultural, que defende um ensino planejado intencionalmente para que a aprendizagem e o desenvolvimento das funções psíquicas superiores ocorram.

A obra sugere que a escola deve preocupar-se em organizar sua ação pedagógica de modo a levar os estudantes a aprenderem a sentir, pensar, avaliar e agir, ou seja, a assimilar elementos que constituem a humanidade produzida histórica e coletivamente pelos homens. Ela deve cumprir sua função de ensinar e não há necessidade de ficar se preparando para a avaliação. É, no entanto, imprescindível conhecer o nível e a qualidade dos conhecimentos dos estudantes para poder planejar as políticas e as ações educacionais. Assim, alerta-se para a importância de maior divulgação e trabalho sobre a Prova Brasil no contexto escolar e o máximo de cuidados na sua aplicação. Além disso, frente à política nacional de educação inclusiva, a avaliação deve ser pensada e planejada para os estudantes, inclusive para aqueles oriundos dos diferentes segmentos étnico-culturais ou com características diferenciadas da maioria da população.

Portanto a leitura deste livro é indicada para todos os envolvidos no processo educacional, sejam eles gestores das políticas educacionais, organizadores das avaliações em larga escala, gestores de escolas, professores ou acadêmicos das licenciaturas.