Jonas: O Delator Mental

Ref: 978-85-473-2363-9

O livro Jonas: o delator mental é uma ode à visão de um mundo no qual legalidade, justiça, ética e moral caminham juntas, como se fossem uma só coisa, e uma repreensão crítica e radical à corrupção e desmandos da administração pública.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 36,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-2363-9


Edição: 1


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 21/11/2018


Número de páginas: 113


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Rubson Marques Rodrigues.

O livro Jonas: o delator mental é uma ode à visão de um mundo no

qual legalidade, justiça, ética e moral caminham juntas, como se fossem

uma só coisa, e uma repreensão crítica e radical à corrupção e desmandos

da administração pública.

 

Caro leitor e querida leitora, imaginem a decepção que tomaria conta

de um habitante desse mundo ideal, caso ele se aportasse em um determinado

país em que a corrupção dá o tom das ações governamentais, da

aprovação de leis claramente ofensivas ao bem comum e da morosidade

escandalosa dos processos judiciais, cujas decisões, incontáveis vezes,

favorecem réus que, contra eles, pesam robustas provas de corrupção?

 

Esse é o cenário com o qual se deparará Jonas, juiz de Direito,

íntegro, ético e comprometido com a justiça. Essas qualidades lhe renderam

a ira de agentes políticos envolvidos com a corrupção. A seu favor,

porém, contaram a virtualidade da visão remota, da boa educação recebida

da família e de um estranhíssimo casal de caseiros da chácara dos seus

pais.

 

O livro é atravessado de episódios inusitados, que vão do seu nascimento

enigmático à descoberta da sua visão remota e suas consequências;

das brincadeiras de menino, das aventuras escolares, do seu amor por

Ana Rosa às espetaculares escapadas das ciladas arquitetadas pelos seus

inimigos políticos; da sua indignação com a corrupção e perplexidade

diante das decisões judiciais morosas e injustas às condenações dos agentes

políticos corruptos levadas a efeito por Jonas.

 

Quem é Jonas? De onde vem a sua capacidade de estar na hora e no

local certos? Como ele consegue se livrar dos perigos? Quem são Kato e

Nerata? Ele dará fim à corrupção? Como? Essas são algumas questões que

acompanharão o leitor na jornada da leitura de Jonas: o delator mental.

 

Há quem diga que é impossível não ler este livro de uma só sentada.