Novos Desafios Para o Ensino da Língua Materna

Ref: 978-85-473-2276-2

O livro Novos desafios para o ensino da língua materna traz reflexões e análises sobre as teorias do ensino da língua portuguesa, a fim de contribuir para práticas inovadoras nessa área visando a atender aos anseios da sociedade atual. Para isso, define e caracteriza a sociedade da informação e do conhecimento, averigua os programas de formação docente, verifica as práticas metodológicas nas instituições de ensino médio e nas instituições formadoras, identificando os problemas vivenciados pelos docentes de língua portuguesa e caracterizando as práticas inovadoras detectadas em algumas escolas no período de realização da pesquisa.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 55,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-2276-2


Edição: 1


Ano da edição: 2018


Data de publicação: 21/11/2018


Número de páginas: 167


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Teresinha de Jesus de Sousa Costa.

O livro Novos desafios para o ensino da língua materna traz reflexões e análises sobre as teorias do ensino da língua portuguesa, a fim de contribuir para práticas inovadoras nessa área visando a atender aos anseios da sociedade atual. Para isso, define e caracteriza a sociedade da informação e do conhecimento, averigua os programas de formação docente, verifica as práticas metodológicas nas instituições de ensino médio e nas instituições formadoras, identificando os problemas vivenciados pelos docentes de língua portuguesa e caracterizando as práticas inovadoras detectadas em algumas escolas no período de realização da pesquisa. O tema faz-se necessário, uma vez que vivemos uma era em que os docentes precisam estar preparados para educar as gerações dessa nova sociedade marcada por inventos tecnológicos de última geração e permeada de grande quantidade de informação. A presente obra traz algumas pistas de como agir na formação desses nativos digitais. E o leitor poderá constatar se a escola está realmente preparada para atuar nesse novo contexto e se as instituições formadoras estão preparando profissionais competentes para atuar frente aos novos desafios da era do conhecimento e da tecnologia.