Éthos, Educação e Serviço Público: Uma Tríade Basilar

Ref: 978-85-473-2618-0

Éthos, Educação e Serviço Público: Uma tríade basilar lança o desafio de um novo olhar sobre o modo de ver o serviço público no Brasil, a partir do indivíduo, em que o sujeito passa a ser parte central e fundamental do sistema, e não o contrário, passando pelos caminhos da formação dos costumes e da Educação em sua forma geral, que é condição essencial para a construção de uma sociedade saudável e de um serviço público de qualidade.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 42,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 19,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-2618-0


ISBN Digital: 978-85-473-2619-7


Edição: 1


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 11/01/2019


Número de páginas: 99


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Regina Negreiros.

Éthos, Educação e Serviço Público: Uma tríade basilar lança o desafio de um novo olhar sobre o modo de ver o serviço público no Brasil, a partir do indivíduo, em que o sujeito passa a ser parte central e fundamental do sistema, e não o contrário, passando pelos caminhos da formação dos costumes e da Educação em sua forma geral, que é condição essencial para a construção de uma sociedade saudável e de um serviço público de qualidade. Cabe ressaltar que a abordagem da Ética nesse caso dá-se no sentido daquela que forja o cidadão como um todo e que o prepara para estar inserido no mundo. Assim, esclarece a importância da Educação para que o indivíduo seja um servidor público preparado tecnicamente para as adversidades do dia a dia, o que reflete no bom funcionamento do Estado, mostrando, portanto, a importância da Educação na formação ética e moral do cidadão e do servidor público, que, a partir do conhecimento técnico, legislacional e de uma formação antropocêntrica, poderá contribuir com a sociedade de uma forma mais justa e saudável, partindo do foco no ser humano que atua com empatia para com o outro, com um olhar humano, sensível,  sem perder de vista o comportamento ético e o conhecimento moral acrescido do conhecimento acadêmico e técnico. Isso possibilitará ao sujeito a ampliação da perspectiva de mundo, uma visão mais aprofundada da realidade para balizar e nortear a tomada de decisão no dia a dia dentro do serviço público.