Sexo Evangélico: O que está Movendo a Sexualidade Protestante?

Ref: 978-85-5507-882-8

A modernidade tem sido caracterizada por uma crescente “destradicionalização” em diversos âmbitos, entre eles, o do discurso moral. Como consequência, as formas de autoafirmação do sujeito baseadas no tradicionalismo perdem sua legitimidade e surge a necessidade de novas formas de autoafirmação do indivíduo quanto ao conjunto de valores aos quais adere; levantando a questão, quais são os mecanismos que permitem tal autoafirmação? Para buscar responder essa questão foi escolhida uma instituição moral por excelência, a religiosa; dentro de uma denominação tradicional de caráter ascético, Metodismo; em uma temática sobre a qual mantém um discurso tradicional, o sexo e contrapondo seu discurso ao de líderes de movimentos protestantes emergentes, buscando a análise discursiva através da observação participante, livros evangélicos e entrevistas.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 45,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-5507-882-8


Edição:


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 26/03/2019


Número de páginas: 107


Encadernação: Brochura


Peso: 100 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Evanway Sellberg Soares.

A modernidade tem sido caracterizada por uma crescente “destradicionalização” em diversos âmbitos, entre eles, o do discurso moral. Como consequência, as formas de autoafirmação do sujeito baseadas no tradicionalismo perdem sua legitimidade e surge a necessidade de novas formas de autoafirmação do indivíduo quanto ao conjunto de valores aos quais adere; levantando a questão, quais são os mecanismos que permitem tal autoafirmação? Para buscar responder essa questão foi escolhida uma instituição moral por excelência, a religiosa; dentro de uma denominação tradicional de caráter ascético, Metodismo; em uma temática sobre a qual mantém um discurso tradicional, o sexo e contrapondo seu discurso ao de líderes de movimentos protestantes emergentes, buscando a análise discursiva através da observação participante, livros evangélicos e entrevistas. Ao comparar os discursos foi possível perceber que o discurso emergente se baseia em princípios opostos ao do discurso tradicional, ocasionando assim o enfraquecimento dos laços comunais e coercivos que mantinham a tradição, partindo de princípios de liberdade, individualidade e consciência individual; e, a partir disso, produz a autoafirmação baseadas na irracionalidade do sentir, a qual justifica por um discurso racional. Essa obra é destinada a todos aqueles interessados nas mudanças que ocorrem no cenário religioso, principalmente no campo da sexualidade.