História e Historiografia: Caminhos e Métodos

Ref: 978-85-5507-941-2

Este livro é o resultado da produção acadêmica que tenho desenvolvido desde o ano 2000 quando de minha conclusão da Especialização em História Regional na Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC. A primeira parte foi denominada de Terras do sem fim e apresenta estudos sobre a região Cacaueira no sul da Bahia. A segunda parte do livro, intitulada: abordagens sobre história colonial e seu ensino é o resultado de projetos de Extensão desenvolvido na Universidade do Estado da Bahia e Faculdade Santo Agostinho, os textos apresentam metodologias para o ensino da história da América portuguesa para turma de Educação Básica. As propostas ai apresentadas foram testadas e discutidas em sala de aula, com alunos da Educação Básica e Superior e suscitam possibilidades para o entendimento e compreensão do nosso passado colonial.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 58,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-5507-941-2


Edição:


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 03/04/2019


Número de páginas: 260


Encadernação: Brochura


Peso: 100 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Charles Nascimento de Sá.

Este livro é o resultado da produção acadêmica que tenho desenvolvido desde o ano 2000 quando de minha conclusão da Especialização em História Regional na Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC. A primeira parte foi denominada de Terras do sem fim e apresenta estudos sobre a região Cacaueira no sul da Bahia. A segunda parte do livro, intitulada: abordagens sobre história colonial e seu ensino é o resultado de projetos de Extensão desenvolvido na Universidade do Estado da Bahia e Faculdade Santo Agostinho, os textos apresentam metodologias para o ensino da história da América portuguesa para turma de Educação Básica. As propostas ai apresentadas foram testadas e discutidas em sala de aula, com alunos da Educação Básica e Superior e suscitam possibilidades para o entendimento e compreensão do nosso passado colonial.
A terceira parte compõe textos que abordam aspectos do governo e da administração da capitania da Bahia no século XVIII e mais um estudo sobre a ideia de ciência na História no século XIX. Fechando o livro tem-se uma resenha do livro Apologia da História e Bloch e Alimentar a cidade de Richard Graham.
O objetivo da obra é servir como um auxílio para os professores e alunos que se dedicam ao estudo e ensino de Clio, bem como uma contribuição para estudos e discussões sobre o período colonial. Os textos aqui presentes se originaram de pesquisas e indagações surgidas ao longo de quase vinte e cinco anos de carreira profissional.
Entende-se que ensino e pesquisa desenvolvidos pelo professor ou pesquisador, em sala de aula ou nos seus estudos, deve sempre poder contar com elementos que o auxiliem para o melhor desenvolvimento de suas funções. Caso esse livro sirva para uma dessas duas tarefas já terá cumprido seu desígnio.