Livros Didáticos de Espanhol: Trajetória Histórica, Prescrições Legais e Ensino (1920-1961)

Ref: 978-85-473-3442-0

Com a finalidade de investigar a abrangência da legislação educacional nos livros didáticos de Espanhol, produzidos e publicados no Brasil no período entre os anos de 1920 e 1961, com vistas a compreender se houve proximidades e distanciamentos ao prescrito, o pesquisador Anselmo Guimarães lançou-se ao campo da pesquisa marcado pelo estímulo e disposição para o trabalho. O ofício do historiador da educação, no âmbito dos livros didáticos de espanhol, foi regido pelo referencial teórico concernente às perguntas de pesquisa e afinado com as exigências do objeto. Guimarães se mostrou, sobretudo, disponível à organização de um acervo de obras fundamentais para a realização deste livro. Para desenvolver a pesquisa, foram utilizadas diversas fontes documentais: a legislação educacional, textos de jornais, programas de ensino, livros didáticos de Espanhol, relatórios de governantes, entre outras. O estudo convida-nos a desvelar as táticas e as estratégias utilizadas para fugir das prescrições ou para obedecê-las, além de trilhar por entre os caminhos e descaminhos que propiciaram, ou não, a concretização das prescrições legais. Desvendar essas tramas é a proposta de Guimarães. Um excelente convite à leitura!


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 59,00 R$ 35,40 40% off
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 59,00 R$ 23,00 62% off
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-3442-0


ISBN Digital: 978-85-473-3443-7


Edição:


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 08/10/2019


Número de páginas: 209


Encadernação: Brochura


Peso: 100 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Anselmo Guimarães.

Com a finalidade de investigar a abrangência da legislação educacional nos livros didáticos de Espanhol, produzidos e publicados no Brasil no período entre os anos de 1920 e 1961, com vistas a compreender se houve proximidades e distanciamentos ao prescrito, o pesquisador Anselmo Guimarães lançou-se ao campo da pesquisa marcado pelo estímulo e disposição para o trabalho. O ofício do historiador da educação, no âmbito dos livros didáticos de espanhol, foi regido pelo referencial teórico concernente às perguntas de pesquisa e afinado com as exigências do objeto. Guimarães se mostrou, sobretudo, disponível à organização de um acervo de obras fundamentais para a realização deste livro. Para desenvolver a pesquisa, foram utilizadas diversas fontes documentais: a legislação educacional, textos de jornais, programas de ensino, livros didáticos de Espanhol, relatórios de governantes, entre outras. O estudo convida-nos a desvelar as táticas e as estratégias utilizadas para fugir das prescrições ou para obedecê-las, além de trilhar por entre os caminhos e descaminhos que propiciaram, ou não, a concretização das prescrições legais. Desvendar essas tramas é a proposta de Guimarães. Um excelente convite à leitura!