Poemas de Água: Teatro, Ação Cultural e Formação Artística

Ref: 978-85-473-2718-7

O campo do Teatro e Educação alargou-se para além dos muros da escola. Cada vez mais experiências de ação cultural e de formação artística, empreendidas por grupos teatrais, acabam por servir como estímulo e reflexão para a proposição de projetos artístico-pedagógicos, inclusive no âmbito da educação formal. Inúmeros grupos teatrais paulistanos, na esteira das conquistas possibilitadas pela Lei de Fomento ao Teatro para a cidade de São Paulo, mostraram em seus projetos, subvencionados pelo poder público, que o caráter estético e o aspecto formativo podem andar juntos, sem nenhum tipo de concessão artística. O livro de Suzzana Schmidt Viganó, resultado de pesquisa desenvolvida na ECA/USP e que recebeu menção honrosa no Prêmio Tese Destaque USP-2018, discute esse fenômeno, constituindo-se num material diferenciado ao trazer exemplos de trabalhos de coletivos teatrais, em atividade fora dos bairros centrais da cidade, que optaram por práticas artístico-pedagógicas relacionadas a uma ação política.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 68,00 R$ 40,80 41% off
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-2718-7


Edição:


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 12/11/2019


Número de páginas: 237


Encadernação: Brochura


Peso: 100 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Suzana Schmidt Viganó.

O campo do Teatro e Educação alargou-se para além dos muros da escola. Cada vez mais experiências de ação cultural e de formação artística, empreendidas por grupos teatrais, acabam por servir como estímulo e reflexão para a proposição de projetos artístico-pedagógicos, inclusive no âmbito da educação formal.
Inúmeros grupos teatrais paulistanos, na esteira das conquistas possibilitadas pela Lei de Fomento ao Teatro para a cidade de São Paulo, mostraram em seus projetos, subvencionados pelo poder público, que o caráter estético e o aspecto formativo podem andar juntos, sem nenhum tipo de concessão artística.
O livro de Suzzana Schmidt Viganó, resultado de pesquisa desenvolvida na ECA/USP e que recebeu menção honrosa no Prêmio Tese Destaque USP-2018, discute esse fenômeno, constituindo-se num material diferenciado ao trazer exemplos de trabalhos de coletivos teatrais, em atividade fora dos bairros centrais da cidade, que optaram por práticas artístico-pedagógicas relacionadas a uma ação política.
Num primeiro momento, o conceito de ação cultural e seu ideário é apresentado ao leitor de maneira contextualizada, assim como se discute a importância de políticas públicas de cultura, observando como elas se configuraram na história recente brasileira. Em seguida, alguns trabalhos de dois grupos teatrais fomentados são trazidos à baila de maneira poética, na perspectiva de aprofundar as discussões teóricas iniciadas. Com isso, inclusive, a autora consegue tecer considerações sobre as relações entre teatro, ação cultural e formação artística, a partir da observação de vivências práticas.
O material apresentado pela autora passa a ser uma importante referência para profissionais e interessados tanto em Educação como em Arte; além de pesquisadores em Ciências Humanas, já que a obra transita por questões pertinentes ao campo da Política, da Sociologia, da Antropologia e da História. Nesse sentido, o livro também se constitui em um documento que constata as inúmeras conquistas advindas pela Lei de Fomento e em como houve um momento histórico propício para que alguns artistas quebrassem a pretensa divisão entre a educação e a ação socioeducativa de um lado e a criação artística de outro.