Olhares Negros, Negros Olhares: Lideranças da Frente Negra Pernambucana; Década 1930

Ref: 978-85-473-3882-4

Olhares negros, negros olhares: lideranças da Frente Negra Pernambucana. Dêcada 1930 aborda a fundação da Frente Negra Pernambucana, a partir de um levantamento histórico, descrevendo o processo de constituição do movimento negro e a sua transformação em Centro de Cultura Afro-Brasileiro, focalizando, para isso, o momento histórico da década de 1930.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 49,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-3882-4


Edição:


Ano da edição: 2019


Data de publicação: 03/12/2019


Número de páginas: 151


Encadernação: Brochura


Peso: 100 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Fátima Aparecida Silva.

Olhares negros, negros olhares: lideranças da Frente Negra Pernambucana. Dêcada 1930 aborda a fundação da Frente Negra Pernambucana, a partir de um levantamento histórico, descrevendo o processo de constituição do movimento negro e a sua transformação em Centro de Cultura Afro-Brasileiro, focalizando, para isso, o momento histórico da década de 1930.

Para tanto, a obra analisa, a partir dos escritos de José Vicente Rodrigues Lima, o pensamento dos militantes e membros fundadores da entidade, José Rodrigues Lima, Solano Trindade e Miguel Barros, bem como as razões que os levaram a fundar a Frente Negra Pernambucana, entidade destinada a unificar a população negra em prol da defesa dos direitos da população afrodescendente na cidade de Recife.

Tendo em vista as estreitas relações entre as frentes negras paulista, gaúcha e pernambucana, a obra aborda o profícuo intercâmbio entre os líderes negros desses movimentos e ressalta as idiossincrasias da Frente Negra Pernambucana, que, ao refletirem sobre a condição das comunidades negras da época, pregam estratégias de atuação para diminuir as desigualdades raciais, principalmente quanto ao acesso da população negra à educação.

A obra trata de temas de ampla originalidade cujo enfoque produzido traduz-se numa contribuição substancial para a história dos movimentos negros, destacando-se temáticas importantes, tais como educação e religião de origens africanas.