Flexibilidade: Arquitetura em Movimento

Ref: 978-85-473-4229-6

Inicio esse livro perguntando a você: o que de fato é a flexibilidade na arquitetura contemporânea? Talvez responda que o conceito refere-se a uma arquitetura que possa atender as necessidades dos usuários por meio da flexibilidade em planta, através de divisórias móveis ou sistemas deslizantes, porém ver a flexibilidade apenas dessa maneira pode limitar o real significado do conceito estudado aqui.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 75,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-4229-6


Edição:


Ano da edição: 2020


Data de publicação: 21/01/2019


Número de páginas: 227


Encadernação: Brochura


Peso: 100 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Nayara Pires.

Inicio esse livro perguntando a você: o que de fato é a flexibilidade na arquitetura contemporânea? Talvez responda que o conceito refere-se a uma arquitetura que possa atender as necessidades dos usuários por meio da flexibilidade em planta, através de divisórias móveis ou sistemas deslizantes, porém ver a flexibilidade apenas dessa maneira pode limitar o real significado do conceito estudado aqui.
A autora explora a flexibilidade na arquitetura, utilizando como objeto de análise projetos e autores os quais o conceito se tornou importante em algum momento de sua trajetória, desde os primórdios até os dias de hoje. O processo de pesquisa levou ao fim da neurose sobre o que é de fato a flexibilidade na arquitetura contemporânea, analisando seus inúmeros sinônimos, sendo flexibilidade como adaptabilidade e polivalência, modulação, mobilidade e arquitetura remontável, multifuncionalidade e elasticidade.
Após percorrer toda essa trajetória, com profundas reflexões, e desenvolver um material que com toda certeza servirá de base para estudos futuros sobre a flexibilidade na contemporaneidade, foi exposto ao leitor um panorama completo acerca da flexibilidade e seus efeitos para a sociedade contemporânea, para tanto será relacionado o conceito aqui estudado às intensas transformações da vida dos indivíduos que refletem intensamente nos espaços transformando-os sempre em novos cenários.