Arthur Thiré: Uma História sobre o Professor e Educador Matemático

Ref: 978-85-473-3979-1

O livro Arthur Thiré: uma história sobre o Professor e Educador Matemático lança um olhar sobre a vida e obra desse professor que veio da França para o Brasil, inicialmente para atuar na Escola de Minas de Ouro Preto, mas que depois passa por diversas instituições de ensino, chegando ao Colégio Pedro II. Com atuação marcante por onde passou, destaca-se, nesta obra, seu trabalho nesta última escola, referência de estabelecimento de ensino no País, localizada no Rio de Janeiro, local onde sua atuação como precursor de uma “nova matemática” sofre críticas de colegas que defendiam um ensino tradicional, entre os quais se destaca nomes como Almeida Lisbôa.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 65,00 R$ 52,00 20% off
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 65,00 R$ 29,00 56% off

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-85-473-3979-1


ISBN Digital: 978-65-5820-161-8


Edição:


Ano da edição: 2020


Data de publicação: 06/02/2020


Número de páginas: 225


Encadernação: Brochura


Peso: 100 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Edmar Reis Thiengo.

O livro Arthur Thiré: uma história sobre o Professor e Educador Matemático lança um olhar sobre a vida e obra desse professor que veio da França para o Brasil, inicialmente para atuar na Escola de Minas de Ouro Preto, mas que depois passa por diversas instituições de ensino, chegando ao Colégio Pedro II. Com atuação marcante por onde passou, destaca-se, nesta obra, seu trabalho nesta última escola, referência de estabelecimento de ensino no País, localizada no Rio de Janeiro, local onde sua atuação como precursor de uma “nova matemática” sofre críticas de colegas que defendiam um ensino tradicional, entre os quais se destaca nomes como Almeida Lisbôa. O próprio Euclides Roxo critica suas propostas, no entanto, mais tarde, reconhece seu posicionamento equivocado diante das iniciativas do colega francês, desenvolvendo um trabalho para a reforma do ensino de Matemática no Brasil, inspirando-se, entre muitas possibilidades, nas ideias de Thiré. Para promover tais discussões, lança-se mão de diversos tipos de documentos, desde livros didáticos, passando por produções científicas, chegando às atas dos colégios. É, portanto, obra marcante pelo teor, linguagem dinâmica e agradável, caracterizando-se como excelente fonte de conhecimento a todos que se interessam pelos aspectos históricos da educação matemática no Brasil.