Teoria das Competências: Construção e Desconstrução do Discurso na Formação de Professores

Ref: 978-85-473-4471-9

O livro Teoria das competências: construção e desconstrução do discurso na formação de professores apresenta uma discussão crítica a respeito de dois temas bastante atuais na realidade educativa brasileira: competências e formação docente.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 55,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 19,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-85-473-4471-9


ISBN Digital: 978-85-473-4472-6


Edição:


Ano da edição: 2020


Data de publicação: 30/03/2020


Número de páginas: 243


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Juliana Trindade Barbaceli.

O livro Teoria das competências: construção e desconstrução do discurso na formação de professores apresenta uma discussão crítica a respeito de dois temas bastante atuais na realidade educativa brasileira: competências e formação docente. Ao analisar algumas teorias educativas e relacioná-las à legislação nacional e internacional, a autora nos convida a discutir o modelo atual de formação de professores, baseado em um conjunto teórico que tem como objetivo desenvolver competências necessárias à vida em uma sociedade
neoliberal. Esse modelo, apesar de ser apresentado como um discurso à prova de críticas, pretensamente neutro e hegemônico na esfera da Educação, pode e precisa ser problematizado a partir do contexto social que o constrói e difunde. A fim de realizar essa problematização, a obra nos leva a pensar a substituição de questões como “O que são professores competentes?”, “Como formá-los?”, “Como avaliar competências docentes?” por “A quem interessa essa avaliação?” “Como ela impacta a realidade da educação
brasileira?”. Em decorrência desse processo problematizador, propõe também outras indagações essenciais para o desenvolvimento da educação no Brasil: “Como problematizar e discordar de um discurso de competência?” ou “Quais os fundamentos essenciais ou princípios orientadores de propostas de formação docente que atendam aos interesses educativos de desenvolvimento humano, e não aos mercadológicos?”. Sem a pretensão de apresentar respostas inquestionáveis a essas indagações, a autora discute relações fundamentais para o entendimento da realidade educacional: Educação e Economia, Formação Docente, Neoliberalismo, Discurso de Competências, Formação Humanizadora e, enfim, Política e Educação.