Estudos Antrópicos na Amazônia: Entre Textos e Contextos Interdisciplinares; Coletânea Interdisciplinar (Volume 1)

Ref: 978-65-5523-536-4

O que é Estudos Antrópicos na Amazônia? Como decifrar suas diversas formas de expressividades? Qual sua linguagem? Como as relações de antropização podem se dar, afinal? Os organizadores deste livro trazem-nos os frutos de seus incentivos epistemológicos em diálogos de saberes e práticas com outros pesquisadores que se debruçam sobre o tema.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 55,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 19,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-65-5523-536-4


ISBN Digital: 978-65-5523-535-7


Edição:


Ano da edição: 2020


Data de publicação: 11/08/2020


Número de páginas: 297


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Carlos José Trindade da Rocha .

2. João Batista Santiago Ramos .

O que é Estudos Antrópicos na Amazônia? Como decifrar suas diversas formas de expressividades? Qual sua linguagem? Como as relações de antropização podem se dar, afinal? Os organizadores deste livro trazem-nos os frutos de seus incentivos epistemológicos em diálogos de saberes e práticas com outros pesquisadores que se debruçam sobre o tema. Aliando rigor teórico de práticas narrativas e trabalho de campo, encontramos nesta coletânea a multiplicidade de olhares que incidem sobre o humano-humano e humano-meio na era antropocena. Solidão e solidariedade das pessoas idosas, decolonialidade, relações de identidade, utopia do humano, saberes e práticas de cura, representações sociais de pessoas com deficiência visual, escola e família, lutas de comunidades tradicionais, mulheres negras do carimbó e saberes quilombolas, experimentação investigativa antrópica e alteridade e ecologia política. Esses são apenas alguns dos temas que instigarão o leitor a percorrer estas páginas e refletir sobre questões antrópicas e pluralidade de sentidos, identidade, diversidades, práticas e saberes na Amazônia. Sempre sem perder de vista a cosmologia do antropoceno.