Das Nominalizações e Sua Agentividade: Um Estudo Morfosintático

Ref: 978-65-5820-159-5

Quantas interpretações possíveis podemos depreender das estruturas linguísticas? No caso de certas construções formadas a partir das nominalizações em ação, entendemos que ao menos duas leituras são percebidas: a de agente e a de tema.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 52,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-65-5820-159-5


Edição:


Ano da edição: 2020


Data de publicação: 19/10/2020


Número de páginas: 103


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Caio Augusto Lima de Castro .

Quantas interpretações possíveis podemos depreender das estruturas linguísticas? No caso de certas construções formadas a partir das nominalizações em ação, entendemos que ao menos duas leituras são percebidas: a de agente e a de tema. Sendo assim, em formações como “A apresentação do Pedro” podemos entender que “Pedro apresentou algo” ou que “Pedro foi apresentado por alguém”. Diante disso, neste livro, ocorrências como essa são submetidas à análise, buscando oferecer ao leitor, quer esteja no início de sua formação acadêmica na área da Linguística, quer deseje conhecer possibilidades de pesquisa no terreno da morfologia e suas interfaces, um estudo morfossintático das nominalizações em questão, desenvolvido à luz da Morfologia Distribuída.