Gerenciando as Emoções: Conselhos Afetivos e Experiências Femininas

Ref: 978-65-5820-745-0

“As mulheres amam demais”, “Você não deve demonstrar interesse pelo homem pretendido”, “Avalie bem antes de investir em um relacionamento”, “Uma mulher poderosa sabe que...”: esses são alguns dos conselhos sugeridos às mulheres ou publicados em manuais de aconselhamento que prometem estratégias para evitar o sofrimento amoroso, estimulando mudanças no comportamento feminino.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 64,00
ADICIONAR 
AO carrinho

Versão digital
R$ 22,00

Nossos eBooks estão no formato ePub, o mais aceito nos variados aparelhos nos quais se podem ler livros digitais: eReaders, Smartphones, iPads, iPhones e PCs (este último por meio do Adobe Digital Editions). Os livros podem ser comprados via download nas seguintes livrarias online:

- Amazon (formato Mobi disponível para Kindle)

- Google Play Livros

- Apple Books

- Cultura/Kobo

ISBN: 978-65-5820-745-0


ISBN Digital: 978-65-5820-661-3


Edição:


Ano da edição: 2020


Data de publicação: 17/11/2020


Número de páginas: 245


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. Rossana Maria Marinho Albuquerque.

“As mulheres amam demais”, “Você não deve demonstrar interesse pelo homem pretendido”, “Avalie bem antes de investir em um relacionamento”, “Uma mulher poderosa sabe que...”: esses são alguns dos conselhos sugeridos às mulheres ou publicados em manuais de aconselhamento que prometem estratégias para evitar o sofrimento amoroso, estimulando mudanças no comportamento feminino.

Em Gerenciando as Emoções: conselhos afetivos e experiências femininas, a autora analisa os conselhos afetivos publicados em manuais de autoajuda best-sellers no Brasil e as experiências de leitoras que fizeram usos dos aconselhamentos, buscando identificar o contexto de difusão desse segmento literário e os sentidos produzidos pelos conselhos nas vidas das mulheres. Sob um referencial feminista, a autora discute os padrões de gênero subjacentes aos discursos de aconselhamento, os arranjos afetivos estimulados pelos manuais e as implicações vivenciadas nas experiências femininas, tendo em vista o custo emocional demandado ao gerenciar as emoções, diante de relacionamentos afetivos que não deram certo.