Resíduos Industriais: Caminhos para uma Gestão Sustentável

Ref: 978-65-5820-956-0

A valorização da reutilização dos resíduos sólidos e de processos produtivos que adotem padrões sustentáveis encontra respaldo na legislação nacional e internacional e estimula a busca por alternativas tecnológicas sustentáveis.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 58,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-65-5820-956-0


Edição:


Ano da edição: 2020


Data de publicação: 07/01/2021


Número de páginas: 97


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Suzy Magaly Alves Cabral de Freitas.

2. Paulo Santos Assis.

A valorização da reutilização dos resíduos sólidos e de processos produtivos que adotem padrões sustentáveis encontra respaldo na legislação nacional e internacional e estimula a busca por alternativas tecnológicas sustentáveis. O presente texto aborda o problema da alta produção de resíduos industriais, armazenados em grandes áreas, economicamente subutilizados e que configuram um risco tecnológico — especificamente a escória de aço e o rejeito minério de ferro. A problemática ganha relevância quando se considera o risco de lixiviação de metais e frente aos dois últimos desastres tecnológicos da mineração, a ruptura das barragens do Fundão e da mina de Córrego do Feijão em Brumadinho – sendo o primeiro considerado o maior crime ambiental do mundo. Este livro , Resíduos Industriais: Caminhos para uma Gestão Sustentável, surge nesse cenário e é dirigido, prioritariamente, aos gestores e aos profissionais dos setores da siderurgia, mineração e construção civil. Tendo em vista a ordem de prioridade para o gerenciamento dos resíduos sólidos, a obra versa sobre alternativas de reutilização e de tratamento, ainda na fonte, desse resíduo. Os autores propõem, principalmente, avaliar a viabilidade técnica e ambiental da reutilização desses resíduos como matéria-prima secundária, em substituição total aos agregados naturais e aos ligantes, para fabricação de tijolo maciço de baixo custo, além de simular a atomização da escória como tratamento alternativo à cura por aspersão de água, apresentar ferramentas de gestão de resíduos ao setor privado, contextualizadas nas características geográficas do Quadrilátero Ferrífero e quantificar a emissão de CO2 referente ao uso do tijolo proposto. As discussões contemplam análises que envolvem fluxos de matéria e energia, captação de receita para viabilização de projetos e ferramentas da Ecologia Industrial. O que se discute é a proposta de gerenciar resíduos sólidos com um olhar estratégico, aproveitando incentivos econômicos e políticos para custear a implantação de novos projetos. Trazer à luz que a gestão de resíduos bem planejada pode gerar receita às empresas, contribuir com o planejamento estratégico regional e atender a demanda por processos e produtos sustentáveis foi a principal contribuição deste livro.