A Comunicação Pública no Brasil: Um Recorte da Realidade por Meio das Prefeituras do Estado de Santa Catarina

Ref: 978-65-250-1753-2

Pensar a comunicação pública é colocar o interesse público e o cidadão como base central para o fazer comunicacional nos órgãos públicos. Assim, esta obra analisa a efetividade da comunicação pública no âmbito da administração pública municipal. Para isso, serão apresentados alguns conceitos relevantes em relação ao tema, para, na sequência, analisar como, de fato, essa comunicação ocorre nas prefeituras do estado de Santa Catarina. Assim, foi realizado um estudo de caso tendo como base solicitações de informação por meio dos Portais da Transparência, LAI, entendida aqui como um dos aspectos da comunicação pública.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 62,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-65-250-1753-2


Edição:


Ano da edição: 2021


Data de publicação: 18/11/2021


Número de páginas: 197


Encadernação: Brochura


Peso: 300 gramas


Largura: 16 cm


Comprimento: 23 cm


Altura: 2 cm


1. João Paulo da Silva.

Pensar a comunicação pública é colocar o interesse público e o cidadão como base central para o fazer comunicacional nos órgãos públicos. Assim, esta obra analisa a efetividade da comunicação pública no âmbito da administração pública municipal. Para isso, serão apresentados alguns conceitos relevantes em relação ao tema, para, na sequência, analisar como, de fato, essa comunicação ocorre nas prefeituras do estado de Santa Catarina. Assim, foi realizado um estudo de caso tendo como base solicitações de informação por meio dos Portais da Transparência, LAI, entendida aqui como um dos aspectos da comunicação pública. Além de buscar compreender a efetividade da comunicação pública, verifica-se também se a forma de contratação dos profissionais de comunicação desses municípios interfere em uma ação comunicacional que não só a do interesse público. A partir do estudo realizado com os pedidos de informação, a verificação de usabilidade dos sites e a análise dos discursos das entrevistas com os profissionais responsáveis pelo setor de comunicação social de alguns municípios, percebe-se o que há de comunicação pública dentro da administração pública municipal, constatando que ela é permeada de diversos interesses, principalmente, o político-partidário.