Comunidade e Comunicação I: A Crise do Comum – Volume I

Ref: 978-85-473-0534-5

Comunidade e Comunicação traz ao leitor uma análise crítica orientada por um pensamento que problematiza a ideia de comunidade enquanto substância comum (território, língua, cultura etc.), evidenciando o limite para o surgimento de novas formas de organização social e luta política no contexto comunicacional.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 46,00
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-0534-5


Edição: 1


Ano da edição: 2017


Data de publicação: 00/00/0000


Número de páginas: 207


Peso: 200 gramas


Largura: 14.8 cm


Comprimento: 21 cm


Altura: 2 cm


1. Eduardo Yuji Yamamoto.

Comunidade e Comunicação traz ao leitor uma análise crítica orientada por um pensamento que problematiza a ideia de comunidade enquanto substância comum (território, língua, cultura etc.), evidenciando o limite para o surgimento de novas formas de organização social e luta política no contexto comunicacional. Esse conceito tem sustentado práticas conservadoras de sociabilidade, porque se fundamenta em relações tutelares e autopreservativas. Nesta obra, o autor analisa a emergência e a popularização desse conceito no século XX, sua valorização pelos estudos que exaltam a intersubjetividade, o consenso e a intervenção governamental. Apresenta também uma crítica à natureza essencialista (ou substancialista) do conceito que permite legitimar práticas sociais totalitárias e inquisitórias. O autor sugere que a chave para a repolitização dessa concepção no século XXI está na comunicação, porém definida não como prática enunciativa do sujeito, mas como experiência radical da vinculação, a abertura às demandas existenciais minoritárias.