Dicionário Terminológico da Nanociência e da Nanotecnologia

Ref: 978-85-473-0738-7

O leitor perceberá pelo manuseio desta obra de consulta que há mais nanociência hoje do que nanotecnologia, aplicações práticas dos princípios descobertos. Por outro lado, quando as pessoas falam de nanotecnologia estão realmente falando sobre a pesquisa científica, ou seja, esse termo geralmente significa nanociência.


Calcule o frete

Opções de entrega:

Versão impressa
R$ 68,00 R$ 40,80 41% off
ADICIONAR 
AO carrinho

ISBN: 978-85-473-0738-7


Edição: 1


Ano da edição: 2017


Data de publicação: 00/00/0000


Número de páginas: 246


Encadernação: Brochura


Peso: 200 gramas


Largura: 21 cm


Comprimento: 27 cm


Altura: 2 cm


1. Manoel Messias Alves da Silva.

Este livro pretende elucidar os termos da Nanociência e da Nanotecnologia (N&N), que são mais frequentemente utilizados pelos especialistas da área analisada no que concerne às 16 subáreas de conhecimento que compõem sua estrutura conceptual – ou seja, nanociência, nanoestruturas, nanoestrutura em física, nanofibras, nanofiltração, nanopartículas de aplicações biométicas, nanotecnologia, nanotecnologia de aspecto social, nanotecnologia de filmes estruturados, nanotecnologia de investigação, nanotecnologia em relação à matemática, nanotecnologia de materiais, nanotecologia de partículas estruturadas, nanotubos, nanoengenharia e nanocristal –, como também apresentar aquelas que estejam relacionadas a outras ciências – como, em português brasileiro, biologia animal, ciências biológicas, ciências da administração, ciências da computação, ciências de materiais, ciências econômicas, ciências farmacêuticas, engenharia de materiais, engenharia elétrica, engenharia mecânica, engenharia mecatrônica, engenharia química, física, genética e bioquímica, matemática aplicada, odontologia, patologia molecular e química e, em português europeu, as ciências, ciências e engenharia dos materiais, ciências farmacêuticas, conservação e restauro, engenharia biomética, engenharia do ambiente, engenharia dos materiais, engenharia física, engenharia química, engenharia química e bioquímica, ensino de física, farmácia, física dos materiais avançados, genética molecular e biomedicina, química, química inorgânica, química tecnológica, sociologia, tecnologia farmacêutica, toxicologia e ecotoxicologia –, com o intuito de apresentar um dicionário que seja o mais abrangente e exaustivo possível da área especializada.

O leitor perceberá pelo manuseio desta obra de consulta que há mais nanociência hoje do que nanotecnologia, aplicações práticas dos princípios descobertos. Por outro lado, quando as pessoas falam de nanotecnologia estão realmente falando sobre a pesquisa científica, ou seja, esse termo geralmente significa nanociência. Nanotecnologia é utilizada por ser mais comum, apesar da distinção entre as duas ser igualmente comparável à diferenciação entre ciência e tecnologia na acepção moderna de ambos os termos. O primeiro pode ser considerado como o conjunto de conhecimentos adquiridos ou produzidos que objetivam compreender e orientar a natureza e as atividades humanas. O segundo como conjunto de conhecimentos, especialmente princípios científicos, que se aplicam a um determinado ramo de atividade, ou seja, aplicação do conhecimento científico adquirido de forma prática, técnica e economicamente viável.