Ozonioterapia Tópica no Tratamento da Úlcera de Membro Inferior de Pacientes Acometidos pela Hanseníase

R$63.00

A hanseníase é uma doença de evolução crônica cuja lesão nervosa determina alterações sensitivas e motoras, levando à instalação das úlceras plantares hansênicas, que geralmente são crônicas. A incorporação de novas tecnologias é de suma importância para abreviar o tempo de cicatrização e diminuir as sequelas. Avanços em estudos com ozônio quanto ao seu poder imunológico e microbiológico vêm colocando esse recurso como uma importante alternativa, sendo uma das mais reconhecidas quando se trata de feridas de difícil cicatrização. O objetivo foi investigar os efeitos cicatrizantes da aplicação da ozonioterapia como recurso terapêutico complementar em feridas crônicas dos membros inferiores decorrentes da hanseníase. O estudo realizado foi de intervenção terapêutica, tipo ensaio clínico, envolvendo 20 pacientes hansenianos acometidos de úlcera de membros inferiores; sendo o Grupo 1 com 10 pacientes que utilizaram a ozonioterapia, procedente da Colônia do Prata, e o Grupo 2 com 10 pacientes que utilizaram curativos convencionais, oriundo da Unidade de Referência Estadual Marcelo Cândia. O perfil epidemiológico em ambos os grupos foi semelhante entre si. As formas prevalentes foram Virchowiana (V) e a Dimorfa (D), com acometimento nervoso; os microrganismos isolados nas lesões foram predominantemente os gram-negativos como o Pseudomonas aeruginosa e Klebsiella pneumoniae. Nas análises macroscópicas, houve diferença no processo de reparação tecidual entre os métodos da ozonioterapia e o convencional. A utilização do aplicativo de imagem Mowa® (Mobile Wound Analyser) foi eficiente, pois forneceu valores precisos da área da ferida, assim como a avaliação eficaz do processo de cicatrização das úlceras hansênicas. Conclui-se que o ozônio é um potente inibidor do crescimento bacteriano, sendo esse efeito muito superior aos demais curativos utilizados e que a terapia com bag e óleo de girassol ozonizado se apresenta como uma alternativa para o tratamento de feridas crônicas, pois estimula a formação de novos vasos na região afetada, aumenta a irrigação local, acelera a formação de tecido de granulação e diminui o tempo de cicatrização.

AUTORES

Informação adicional

Peso 300 g
Dimensões 23 × 16 × 2 cm
ISBN

978652501469-2

PÁGINAS

132